Sabores da Índia - Home

Pimenta Branca

 

Especiaria:   

Pimenta Branca

Planta:   

Pimenta

Nome Botânico:   

Piper nigrum L.

Género:   

Piper

Família:   

Piperaceae

Porte:   

Trepadeira

Ciclo:   

Vivaz

Origem:   

Nativa do Malabar, região na costa ocidental da Índia, hoje englobada no Estado Indiano de Kerala

Distribuição:   

Chegou ao extremo do Sueste Asiático há milhares de anos, e é, desde então, cultivada na Malásia e na Indonésia.
Os maiores cultivadores mundiais são a Índia e a Indonésia.
No Novo Mundo, o Brasil é o único cultivador importante, com plantações que datam dos anos 30 do século XX.
Na Índia, a cultura concentra-se nos Gates Ocidentais e nos estados de Karnataka, Maharashtra, Assam e Kerala.

Partes Usadas:   

 Caroços das bagas - ou grãos

A planta que dá a Pimenta Branca é a mesma que dá a Pimenta Preta, só que às suas bagas - ou grãos -, para obter aquela outra, é dado um tratamento diferente.
Embora a maior parte dos países onde a planta é cultivada produzam Pimenta Branca, a principal fonte deste produto é a Ilha Indonésia de Bangka, a sueste da Sumatra, sendo comercialmente denominado Muntok, nome tirado do principal porto exportador daquela ilha.
Também de Sarawak nas ilhas da Malásia, sai Pimenta Branca, de cor particularmente ligeira, conhecida no Mercado como Sarawak Cream Label.
Os grãos são colhidos completamente maduros, sendo mergulhados em água, de preferência corrente, durante uma semana.
Passado esse tempo, a polpa dos grãos desintegra-se, e é facilmente destacável, à mão ou mecanicamente, sendo deitada fora. Os caroços - o que afinal fica dos grãos - são seguidamente secos ao sol ou em secadores.
A Pimenta Branca é mais picante, e menos aromática, que a Pimenta Preta, dado que a piperina, composto responsável pelo sabor picante, é mais abundante no caroço, enquanto os princípios aromáticos residem, principalmente, na polpa - não retirada quando se faz a Pimenta Preta.
É, também, mais cara, uma compensação para o maior risco corrido deixando os frutos irem até à maturidade.
Diferentemente tratadas, as bagas de Pimenta dão, ainda, a Pimenta Vermelha e a Pimenta Verde.

Propriedades:   

Antisséptica e digestiva

Dica:   

Para conservar o mais possível o sabor genuíno da Pimenta Branca, quando a usar em pó, moa-a em cima da hora de usar, num moinho próprio.

Pimenta Branca - Frutos secos

Dicionário

História

 Sabores da Índia - Home