Sabores da Índia - Home

Cardamomo de Malabar - História

Cardamomo - Frutos secos

Como o Cardamomo de Malabar se espalhou pelo Mundo

Séc. I A.C.

O poeta latino Virgílio menciona o Cardamomo de Malabar num dos seus poemas.

Cerca do ano 0

Disocorides, refere o Cardamomo de Malabar como proveniente da Arábia e da Índia, e afirma que ele chega à Europa via Arménia, Ásia Menor e Bósforo.

Séc. I

O poeta latino Ovídio afirma, num dos seus poemas, que o Cardamomo de Malabar tem um perfume requintado.

176 - 180

O Cardamomo de Malabar figura numa lista de produtos da Índia sujeitos, pelos Romanos, a direitos aduaneiros em Alexandria.

Séc. XII

Vários autores europeus referem o Cardamomo de Malabar como produto importado via S. João de Acra, na Síria antiga.

1514

O português Barbosa cita o Cardamomo de Malabar como produto da costa do Malabar.

1563

O português Garcia d'Orta refere a importação de Cardamomo de Malabar para a Europa a partir da Índia.

Séc. XVI - Séc. XVII

O Cardamomo de Malabar é introduzido em Ceilão - actual Sri Lanka -, no Vietname e no Cambodja.

Início do Séc. XX

O Cardamomo de Malabar é introduzido na Guatemala, sendo a produção exclusivamente destinada à exportação.

 Sabores da Índia - Home

statistics in vBulletin