Sabores da Índia - Home

Anis

 

Especiaria:   

Anis

Planta:   

Anis

Nome Botânico:   

Pimpinella anisum L.

Género:   

Pimpinella

Família:   

Apiaceae ou Umbelliferae

Porte:   

Herbácea

Ciclo:   

Anual

Origem:   

Egipto e Mediterrâneo Oriental

Distribuição:   

Presentemente é cultivada nas mais diversas regiões: Sul da Europa, Sul da Rússia, Médio Oriente, Norte de África, Paquistão, Índia, China, Chile, Estados Unidos, etc.
Na Índia, o seu cultivo concentra-se sobretudo em UttarPradesh, Punjab, Assam e Orissa.

Partes Usadas:   

 Sementes secas

As sementes, quase ovais na forma, têm cerca de 3,5 mm de comprimento, e apresentam cinco estrias longitudinais.
Colhidas à maturidade, são postas a secar, preferencialmente em local arejado, abrigado do sol, mas sujeito a temperaturas de Verão.
Têm um sabor típico, quente e adocicado.

 Folhas frescas

São usadas, em França, para temperar cenouras jovens.

 Óleo Essencial

As sementes do Anis contêm cerca de 2,5 % de óleo essencial, cujo principal constituinte é o anetol.
É usado em aromaterapia, e, de forma menos concentrada, em fitoterapia, sendo bem conhecida a tisana de Anis, usada para acelerar a digestão.

Propriedades:   

Digestivo e carminativo

Notas:   

Em Portugal, é conhecida a afinidade do Anis com as Castanhas cozidas e os Figos secos.
Usado muitas vezes como sucedâneo do anis estrelado.

Anis - Sementes secas

Dicionário

 Sabores da Índia - Home