Sabores da Índia - Home

Óleos Essenciais

Os óleos essenciais são princípios activos segregados por algumas plantas, nomeadamente as especiarias.

Utilização

As suas propriedades odoríficas e gustativas fazem dos óleos essenciais produtos multiusos.

Eles são usados desde a indústria farmacêutica à alimentar, passando pelas de produção de perfumes, artigos de higiene e limpeza, desodorizantes, etc..

Na culinária são usados, no estado puro, pontualmente. Destaque, ainda, para a sua utilização na Aromaterapia.

Extracção


Cortesia Ernst Lehner - Symbols Signs and Signets

O método de extracção de um óleo essencial que melhor protege os seus componentes aromáticos é a destilação a vapor de água de baixa pressão, porque as temperaturas atingidas são baixas, e não é utilizado qualquer solvente químico.

O processo de destilação compreende, essencialmente, cinco fases:

  • colheita
    a planta é colhida no seu habitat natural, ou na plantação, escolhida de partes deterioradas, e expurgada das suas partes lenhosas

  • carregamento
    as partes da planta escolhidas para destilação - folhas, caules tenros, extremidades floridas, flores, sementes, etc. - são carregadas numa tina, desejavelmente construída em aço inoxidável, que será, posteriormente, atravessada por vapor de água de baixa pressão


Cortesia Ernst Lehner - Symbols Signs and Signets

  • extracção
    em contacto com o vapor de água, e por acção do calor por este transportado, as bolsas dos tecidos da planta que encerram o óleo aromático "explodem", libertando-o. Sendo muito volátil, o óleo essencial rapidamente se mistura com o vapor de água, sendo por ele arrastado.

  • condensação
    a mistura de óleo essencial e vapor de água passa para um condensador, onde o vapor readquire o estado líquido, continuando a arrastar as mini-gotículas de óleo essencial nele dispersas

  • separação
    menos denso que a água, e nela insolúvel, o óleo essencial sobe à superfície, e daí é retirado por decantação

Características

Para além de características específicas - odor, sabor, etc. -, que dependem das plantas de que são provenientes, os óleos essenciais têm características comuns.

Assim, qualquer óleo essencial é:

  • Muito volátil

Deve ser conservado em embalagens bem fechadas, em sítio fresco.

  • Oxidável pelo ar

As embalagens devem ser mantidas bem fechadas, e, quando abertas, devem ser consumidas com alguma rapidez.

  • Sensível à luz solar

As embalagens devem ser de cor escura, preferencialmente castanha.

  • Atacável por materiais diversos

As embalagens e outros equipamentos que com ele contactem devem ser feitos de aço inoxidável ou vidro.

  • Insolúvel na água, mas miscível com ela

  • Solúvel em álcool e gorduras, tendo estas a capacidade de o fixarem

  • Não gorduroso, pelo que, ao evaporar, não deixa qualquer vestígio em tecidos, papel, etc.

 Sabores da Índia - Home