Sabores da Índia - Home

Ameixa

Hindu - Alubukhara, Alubhukhara
Tamil - Alpagada-pungam

Fruto da Ameixieira, Prunus domestica L. ou Prunus communis Huds., família das Rosaceae, de que existem cerca de 400 variedades. É refrescante, laxativo e antiúrico.
A Ameixieira é nativa da Pérsia, mas desde a Antiguidade foi cultivada também na Síria, donde passou para o sul da Europa. Aliás, os cruzados enviados, em 1148, à conquista de Damasco falharam o objectivo e, no regresso, foram rapidamente acusados pela opinião pública de terem ido a Damasco ‘só por causa das Ameixas’.
Na Índia cultivam-se, preferencialmente, variedades com frutos com a pele violácea ou vermelha, nos estados de Kashmir e Himachal Pradesh e na região de Kumaon do Uttarakhand.
Para além de ser comida tal e qual, como fruta de mesa, a Ameixa é, na Índia, ocasionalmente usada em preparações culinárias, e, também, consumida seca.
Entre nós, de assinalar uma variedade que aparece cada vez menos: a Raínha Cláudia, ou Caranguejeira (no Norte), de pele amarela-esverdinhada, com manchas rosadas, sabor muito doce. Esta variedade terá vindo de França onde a Rainha Cláudia, mulher do Imperador Francisco I, recebeu do explorador Pierre Belon uma espécie de Ameixieira até então desconhecida na Europa. Amante das coisas da terra, resolveu cuidar ela mesma da nova variedade – com tanto sucesso que os novos frutos ficaram para a eternidade como ‘ameixas da Rainha Cláudia' primeiro, e só ‘rainhas Cláudia’ depois. Realce também para as afamadas Ameixas Secas, de Elvas.
Em França, destaque para duas variedades que são matéria prima de duas aguardentes brancas famosas – a mirabelle e a quetsche. A Mirabelle deve o nome à vila perto da qual foi aclimatada pela primeira vez na Europa – tem pele de cor amarela dourada, salpicada com pontos vermelhos, e sabor aromático; a Quetsche tem um sabor vigoroso e uma pele cuja cor varia do vermelho-violeta ao azul escuro, tonalidades que lhe valeram, em tempos, o cognome de ‘fruto episcopal’.

Ameixas Vermelhas

 Sabores da Índia - Home























statistics in vBulletin