Sabores da Índia - Home

Bihar - Mahabodhi

Fotos Galeria

Templo erguido em Bodh Gaya, no Bihar, a ocidente do rio Phalgu, um afluente do Ganga.

Um dos mais sagrados sítios budistas, porque foi aqui que, debaixo da bodhi, uma figueira - Ficus religiosa Linn. –, Gautama foi iluminado, tornando-se Buddha.

No local foi erigido, pelo Imperador Ashoka, no séc. III A.C., um simples altar que, no séc. I A.C., foi rodeado por um corrimão em pedra de que ainda hoje existe parte.

O altar foi, no período Kushan - séc. II A.C. -, substituído pelo actual templo, que viria a ser restaurado durante o período Pala-Sena – 750 a 1200.
Voltou a ser restaurado por Sir Alexander Cunningham, na segunda metade do séc. XIX, e por monges budistas, vindos da Birmânia, em 1882.

Em 1891, Anagarika Dharmapala, um monge budista, fundou no Sri Lanka a sociedade Maha Bodhi, cujo objectivo primeiro era a restauração do templo, que, na altura, estava nas mãos de um proprietário Indiano.

Em 1949, o governo de Bhiar, pelo Buddha-Gaya Temple Act, entregou a gestão do templo a uma comissão paritária de Hindus e Budistas.

Junto à face ocidental do templo, dominado por uma torre piramidal com 54 metros de altura, existe um exemplar de Ficus religiosa que se diz ser descendente daquela sob a qual Buddha foi iluminado.

Fotos Galeria

Templo de Mahabodhi
Cortesia Sudheer Birodkar

Templo de Mahabodhi


Mais fotos:
Templo [1]
Templo [2]
Templo [3]
Templo à Noite [1]
Templo à Noite [2]
Buddah
Deva

 Sabores da Índia - Home