Sabores da Índia - Home

Chalota

 

Especiaria:   

Chalota

Nome da Planta:   

Chalota

Nome Botânico:   

Allium ascalonicum Linn.

Género:   

Allium

Família:   

Alliaceae

Porte:   

Herbácea

Ciclo:   

Anual

Origem:   

Provavelmente Ásia Central e Ocidental

Distribuição:   

Cultivada na Europa desde tempos remotos - ver Capitulare de villis, é-o hoje um pouco por todo o planeta onde o clima o permite.
Relativamente pouco cultivada entre nós, é tradicional que a sua plantação se faça no dia mais curto do ano, e a colheita no maior.
Na Índia, cultiva-se em várias regiões.

Partes Usadas:   

 Bolbos subterrâneos

Mais pequenos que os da cebola, e reunidos em cachos em número máximo de cinco.
Têm um sabor semelhante ao da cebola, mas mais refinado e menos pungente.
Na Europa, têm papel importante na cozinha do norte de França, e no, meio rural Inglês, é preferida para fazer pickles, em detrimento das cebolas pequenas.
Muitos livros de cozinha do Extremo Oriente privilegiam o seu uso, sustentando que os seus tamanho e sabor são mais próximos dos das variedades de cebola locais.

Partes Usadas:   

 Folhas

Utilizam-se, normalmente, as folhas de plantas jovens, altura em que têm um sabor muito próximo do da cebolinha.

Propriedades:   

Semelhantes às da cebola.

Notas:   

Em Portugal cresce, selvagem, no Minho, em especial nas serranias do Gerês, uma espécie vizinha - Allium suaveolens Jacq. subsp. ericetorum (Thore) -, denominada Chalotinhas do Gerês.

Chalota - Plantas jovens

Dicionário

Sabores da Índia - Home