Sabores da Índia Home

Sabugueiro

 

Especiaria:   

Sabugueiro

Nome da Planta:   

Sabugueiro

Nome Botânico:   

Sambucus nigra Linn.

Género:   

Sambucus

Família:   

Caprifoliaceae

Porte:   

Árvore ou arbusto

Ciclo:   

Vivaz

Origem:   

Regiões de floresta temperadas e subtropicais do Hemisfério Norte

Distribuição:   

Continua espontânea, e cultivada, na suas regiões de origem.
Em Portugal encontra-se em sebes, margens de campos cultivados e ribeiros de praticamente todo o Continente. É também cultivada em pomares, pelos seus frutos, e utilizada como ornamental.
Cresce, na Índia, na região de Kangra do estado do Bihar, e nas montanhas Simla.

Partes Usadas:   

 Flores

Chamadas 'flores de sabugueiro', 'flores de sabugo', nalguns locais 'maias', e 'rosas de bem fazer', nos Açores, são pequenas, muito aromáticas, de cor branca-creme, e florescem, dispostas em grandes cachos, em Junho – Julho, época em que devem ser colhidas. Algo sumarentas, crespas, com um sabor a lembrar moscatel, delas se fazem saborosos fritos. Quando em botão ainda, podem conservar-se em vinagre, como as Alcaparras
Usaram-se outrora para melhorar o gosto de vinhos do Mosela, e do Reno, de inferior qualidade, e são boas para apaladar fruta cozida, compotas e geleias, em especial a geleia de Groselha.

 Frutos

Pequenas bagas, verdes de início, de um negro-púrpura depois de maduras. Consomem-se tal e qual, ou usam-se para preparar compotas e geleias, fazer vinho, aromatizar bebidas brancas e licores, dar corpo e cor a molhos. Podem secar-se para conservação e posterior consumo, substituindo bem as passas.
No passado, fabricantes de vinho menos honestos usavam os frutos do Sabugueiro para melhorar a cor dos seus vinhos.
Na Índia, o seu uso é essencialmente local, em compotas, geleias, chutnies.

Propriedades:   

As flores são sudoríficas, diuréticas, e antiúricas. Os frutos são laxativos.

Notas:   

Foi muito popular, nas antigas farmácias a ‘Eau de Sureau’, obtida por destilação a vapor das flores de Sabugueiro, e usada para manter a pele do rosto.
Muitas vezes, eram usadas flores conservadas em sal. Sendo a época de recolha curta, os destiladores recorriam a esse estratagema para poderem satisfazer a procura dos clientes ao longo do ano.
Popular foi também, nos países de expressão inglesa, o 'Elderberry Rob', remédio tido como eficaz contra constipações, feito fervendo, conjuntamente, 2300 gr de frutos de Sabugueiro esmagados, com 450 gr de açúcar, até a mistura ficar com a consistência de mel. Muitos enriqueciam o preparado juntando-lhe, depois de feito, 2 cravinhos e 1 pitada de gengibre em pó por cada 1/2 litro de ‘rob’.

Bagas de Sabugueiro

Dicionário

Sabores da Índia Home